João Santana

4 Flares 4 Flares ×

Poeta Repentista, Escritor, Produtor, Empreendedor Cultural, Compositor e Diretor Musical

 

 

Atuação no Repente

Natural de Brasília, com raízes nordestinas, João Santana, além de cantor e instrumentista, é o único violeiro repentista nascido fora do Nordeste e vem, desde 2000, se revelando grande poeta cantador ao se apresentar ao lado de renomados veteranos como Geraldo Amancio, Oliveira de Panelas, Sebastião da Silva, Edmilson Ferreira, João Furiba, Ismael Pereira e outros.

Representou o Repente do Brasil no XX Festival de Romerías de Mayo em Holguín, Cuba, 2013. Também se apresentou em Manzanillo (Teatro Manzanillo) e Santa Clara (Union de Escritores y Artistas de Cuba).

Vencedor do Prêmio Voa Viola 2012, na modalidade desafio.

1° lugar em Campeonatos Regionais de Repentistas do Distrito Federal por 5 vezes consecutivas.

Viagens ao Nordeste (PI, CE, RN, PB e PE), São Paulo, Rondônia, Mato Grosso, Rio de Janeiro e Goiás – shows, festivais de repentistas, cantorias e entrevistas e participação em programas de rádio e televisão.

Eventos temáticos e solenidades de abertura: 3ª Conferência Nacional de Saúde do trabalhador, Brasília; Seminário Preparatório para a 3ª Conferência Nacional de Saúde do trabalhador, São Paulo; 27ª Feira do Livro em Brasília; Homenagem ao Poeta Thiago de Mello, no Museu Nacional, Brasília; I Conferência Distrital de Aqüicultura e Pesca – Embrapa, Brasília; Homenagens a Patativa do Assaré e Paulo Nunes Batista, na Biblioteca Demonstrativa de Brasília; e 3ª Conferência de Cultura do Distrito Federal. Também realizou apresentações temáticas para pessoas físicas e entidades como WWF, Conselho Federal de Medicina, Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal, Associação novo Encanto de Desenvolvimento Ecológico, Secretaria de Agricultura do Distrito Federal, Contag, Smaff Automóveis, associações e sindicatos.

Desde 2002 constitui dupla com Chico de Assis, de Alexandria/RN, profissional do Repente desde 1982.

Constantes entrevistas sobre o Repente e a Literatura de Cordel à mídia, estudiosos e acadêmicos.

Jingles e vinhetas televisivas.

 

Cinema, Televisão e Rádio

Curta metragem “Alastrado”, de Núbia Santana – ator/repentista.

Média metragem de Munir Maasri “Coisas da Vida” – compositor e ator/repentista.

Animação “O Lobisomem e o Coronel”, de Ítalo Cajueiro e Élvis Kleber – coautor do texto em estrofes.

Documentário “Sob o Signo da Poesia” de Neto Borges – repentes sobre Brasília.

Longa metragem “Brasília Minha”, de Carolina Venturelli e Erwan Massiot – repentes sobre Brasília.

TV Globo Brasília, série especial de 40 anos (2011) – compositor e intérprete de homenagem à emissora e à Cidade.

Interprograma “Brasilidade”, TV Câmara (2011) – canta e discorre sobre a Arte do Repente.

Chamada do Programa “Participação Popular”, TV Câmara (2013).

Programa “Brasil Eleitor”, TV Justiça, edição especial (2011) – repentes sobre o voto e a cidadania.

Programa Refrão (nov/2013), TV Justiça.

TV Brasil Internacional: Programa “Brasileiros no Mundo” e interprogramas – repentes diversos.

Série “Cordel Ortográfico”, TV Brasil (2010) – versos ao som da viola.

Programas e reportagens em cadeia local e nacional – Rede Globo, TV Brasil, TV Câmara, TV Legislativa, Rede Record, Rede Bandeirantes, TV Comunitária, TV Tambaú TV Suprem e TV União Natal.

Voz do Brasil, Rádio Nacional, edição especial (2006) – repentes e entrevista.

Programa “Repente Brasília”, Rádio Cultura DF – direção, apresentação, declamações e repentes.

Participação em programas de rádio: Rádio Nacional AM e FM, Band News, Rádio Cultura FM de Brasília, Rádio Alto Piranhas na Paraíba, Rádio Rural de Mossoró/RN e Rádio Tabira FM em Pernambuco.

 

Arte-Educação

Projeto Repente na Escola, DF (2004, 2012 e 2013) – autor, repentista e instrutor de oficinas;

Projeto Literatura de Cordel e Xilogravura, na rede pública de ensino do DF (2010) – repentista e instrutor de oficinas de poesia popular;

Projeto Culturas Integradas, na rede pública de ensino do DF (2009 e 2010) – repentista.

Projeto Cantoria na Escola e Boi na Rua, na rede pública de ensino do DF (2008) – elaborador e repentista.

Programa Todas as Letras/ Brasil Alfabetizado, MEC e CUT (2005) – instrutor de oficinas de poesia popular e rimas na alfabetização para alfabetizadores.

Programa Nacional de Formação da Rede de Educação Cidadã – RECID, “4ª Ciranda de Educação Popular” em Brasília (2011) – instrutor de oficina de poesia popular para educadores.

Programa de rádio Plantão Saúde – Rede de Comunicadores pela Saúde, em mais de 500 emissoras do Brasil (2004) – arte-comunicação com repentes e jingles educativos.

Programa Implantação da Coleta Seletiva na Esplanada dos Ministérios, MDS (2006) – arte-comunicação com repentes em todos os ministérios para funcionários.

Campanha Pare, Pense e Mude/Pacto Nacional pela Redução de Acidentes no Trânsito – Parada, Detran (2011) – arte-comunicação com repentes para sociedade civil em geral.

Programa de Educação Ambiental e Ecologia Humana, UnB (2002 e 2003) – música e poesia para educação.

Projeto de Turismo Rural Pedagógico da Fazenda Velha/DF, (2007) – consultor em Arte-educação.

Literatura de Cordel – autor de mais de 10 títulos publicados e comercializados em PDVs de Goiás, Bahia e DF, dentre os quais 05 folhetos educativos publicados na área de Saúde do Trabalhador; estrofes em diversas cartilhas de Educação Ambiental e conscientização agrária.

Palestras sobre o Repente em diversos estabelecimentos, dentre eles: Universidad de Ciências Pedagógicas José de la Luz y Caballero e Casa de Iberoamérica em Holguín, Cuba (2013).

 

Teatro

“Farsa da Boa Preguiça”, de Ariano Suassuna, dirigida por Núbia Santana, salas Plínio Marcos/Complexo Funarte de Brasília e Martins Pena/Teatro Nacional em Brasília, além de ensaios abertos em escolas rurais do DF (2005 e 2006) – diretor musical, ator, adaptador de texto e cantador.

“Romance do Pavão Misterioso”, de José Camelo de Melo Rezende, Grupo Mamulengo Presepada, Teatro Nacional (2005) – adaptação de texto em estrofes de variadas formações de métrica.

“Cordel Operístico Lua Alegria”, de Paulo Matricó, sob direção cênica de Humberto Pedranccini, sala Plínio Marcos/Complexo Funarte, Teatro do Guará/DF, Teatro da Praça em Taguatinga/DF e Feira do livro em Sobradinho/DF (2013) – Intérprete de cego cantador que abre e narra trechos do espetáculo.

 

Histórico na Música

Compositor, classificou-se em 3° Lugar no 5° Festival Universitário de Música Candanga da Universidade de Brasília em 2003, no qual foi apontado, juntamente com os músicos que o acompanharam, como melhor banda pelo júri popular, onde concorreram 44 grupos musicais, dentre os quais a cantora Éllen Oléria (1º Lugar na ocasião).

Fez a direção musical dos CDs “Repente na Capital” e “Cantando as Coisas da Vida” de Chico de Assis e João Santana em 2005 e 2010 respectivamente e de jingles para o programa “Plantão Saúde – Rede de Comunicadores pela Saúde”.

Realizou produção, direção musical, arranjos e execução, do 1º CD do compositor carioca Henrique Boechat “No Sertão dos Seringais”, com participação dos cantores Xangai e Juraíldes da Cruz, a ser publicado em 2014.

Participou: como cantor e compositor melódico, do CD “Mística Beleza” do poeta cearense Márcio Catunda; como compositor no CD “Sertão do Cabugi” dos Meirinhos do Forró (RN); como compositor e violonista dos CDs “Jaraguá Mulungu” do percussionista pernambucano Cacau Arcoverde e “Jardim Infinito” do goiano radicado em Brasília Dom Johnny; como violonista do CD “Povo Lindo Misturado” do músico brasiliense Fábio Carvalho e do CD “No Batuque das Ideias” de Fábio Carvalho e Pedro Nathan; e como arranjador e violonista no CD “Sol de Laranja” da Maranhense Juliana Noleto.

Compôs e executou trilha sonora para o “Projeto Riacho Vivo” de educação e recuperação ambiental no DF.

Entre várias aventuras musicais, foi cantor, violonista e percussionista dos grupos de forró Meirinhos do Forró (RN) e Paraibola (DF), da banda de acompanhamento do cantor Paulo Matricó (DF) e da Trinca Harmônica de Brasília com o gaitista Pablo Fagundes. Já acompanhou ao violão as cantoras Margareth Menezes, Socorro Lira, Tereza Lopes (DF) e Flávia Wenceslau (PB).

Participou do projeto “Speculum Brasilis fusão entre a música eletroacústica e gêneros tradicionais da música brasileira” (2005) do renomado maestro Jorge Antunes, com apresentações no CCBB do Rio de Janeiro e na Sala Martins Pena no Teatro Nacional em Brasília.

 

Experiência em Produção, Projetos e Eventos

Realizou a produção dos seguintes projetos: “Repente na Escola” (2004), “Repente na Capital” (2005) e “CD Cantando as Coisas da Vida” (2010), cujas prestações de contas não apresentaram pendências. Atuou em coprodução no “2º Encontro Nordestino de Cordel” no Teatro da Caixa (2013), “Cordel Operísito Lua Alegria” (2013), “Repente na Escola – 2ª Edição e 3ª Edição” (2012 e 2013), Coordenação de Comunicação do “3º Encontro dos Campeões do Repente em Brasília” (2014) e eventos de menor porte como negociação e produção de espetáculos do próprio artista, distribuição de seus folhetos e CDs, a produção de estúdio do CD “Sertão dos Seringais” (2012 e 2013) e outros.

Com vocação para a elaboração de projetos, já obteve aprovação de 5 projetos no Mecenato, 1 projeto no Fundo Nacional da Cultura, 1 projeto em Edital do Programa Petrobrás Cultural, 1 projeto em Edital Cultural da Caixa Econômica, 9 projetos em editais do Fundo de Apoio à Cultura do DF e 1 projeto em Edital do Fundo Nacional do Meio Ambiente/MMA, além de outras captações.

Quando trabalhou na área ambiental do Governo do Distrito Federal, organizou, da elaboração do projeto básico à coordenação-geral da execução, os eventos: “X Fórum do Plano de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais do DF e I Seminário do Programa Amazônia Sem Fogo” em parceria com a Embaixada da Itália; “XI e XII Fórum do Plano de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais do DF”; e “Seminário Gestão Integrada de Riscos Ambientais Relativos a Produtos Perigosos” – que tiveram a participação de profissionais de vários estados do País e do exterior.

4 Flares Facebook 4 Google+ 0 4 Flares ×
468 ad
4 Flares Facebook 4 Google+ 0 4 Flares ×